Lançamento da Sonda de Workover

Dia 24/08/2012 foi uma data histórica para a Prominas, com o lançamento em parceria com a SAN ANTONIO INTERNACIONAL / LUPATECH  da primeira Sonda de Workover fabricado no mercado Brasileiro na segunda onda de nacionalização , atendendo a todos os requisitos da norma API e de conteúdo local estabelecido pela ANP.

Estiveram presentes em nossa fabrica: autoridades políticas, PETROBRÁS, ABRAPET, potenciais clientes, imprensa escrita e televisiva.

O lançamento foi um sucesso e vários clientes demonstraram o interesse na aquisição.

A Sonda de Produção Terrestre modelo SWP 100 AP foi uma sonda Projetada e Construída em parceria com o cliente, ouvindo a opinião de seus engenheiros, sondadores, operadores e mecânicos que conhecem a fundo as necessidades da operação, da manutenção e da segurança para esse tipo de equipamento.

Esse procedimento adotado pela PROMINAS a logo tempo, resultou em um produto que tem baixo custo de manutenção e alto rendimento nas operações de produção em campos de petróleo, além de atender os requisitos da Agencia Nacional do Petróleo (ANP) com um equipamento que tem mais de 75% de conteúdo local.

Por outro lado, todo o desenvolvimento do produto foi feito tendo como base as exigências das Normas API SPEC 4F, API RP 4G, API SPEC 8C, API RP 8B, API SPEC 9A e API RP 9B, que definem a qualidade do produto e o seu nível de segurança operacional.
Principais características técnicas:

• Capacidade de carga estática no gancho: 100 toneladas métricas com 6 linhas (225.000 lb.)
• Profundidade de operação até: 3.650 m (12.000 ft) em completação de poços.
• Altura livre sob o coroamento: 29 m (96 ft) para operação com 2 lances de tubos range 3
• Sonda de Produção Autopropelida
• Potência do motor: 475 C.V. @ 2100 rpm